Boletim: Reposição de Vídeos #004

Hoje eu quero começar esse boletim informativo fazendo a vocês um pedido muito simples: PACIÊNCIA.

Pessoal, eu entendo que vocês estão acostumados com a frequência de duas postagens por semana, e também que eu costumo trazer para vocês os ballets com transmissão ao vivo o mais próximo possível da data de exibição original. Porém, como eu já expliquei nos boletins anteriores, eu estou com problemas na minha internet, só tenho podido acessar do meu celular, do trabalho ou da lan house, e pra ajudar, ainda estamos com uma crise no 4shared. Eu já até perdi a conta de quantos vídeos estão com partes deletadas, e por estar sem um acesso regular fica bem difícil monitorar o que está acontecendo. Por isso eu peço que vocês compreendam essa situação. Os arquivos deletados vão ser repostos e as postagens novas vão continuar. Isso inclui as transmissões ao vivo que as companhias tem realizado. Quanto a isso, fiquem despreocupados!
Em meio a tudo isso, eu tenho uma boa nova: encontrei um servidor novo! Muitos já me sugeriram, e eu resolvi aderir. Agora todos os vídeos serão armazenados no mega. Eu o testei, e é um bom servidor, tanto para uploads como para downloads. Espero que o problema, enfim, dê trégua! A única coisa é que essa mudança não vai ser tão rápida quanto eu gostaria... Afinal são seis anos de blog, mais de 300 títulos disponibilizados, fazer uploads é um trabalho demorado, e eu estou com acesso restrito à internet. Mas apesar de todos os percalços, eu não desisti desse projeto! E acreditem: mais do que vocês, eu também estou precisando ter muita paciência! Aos poucos nós chegaremos lá...

Antes de encerrar, eu tenho algumas orientações para vocês com relação aos vídeos. Algumas coisas eu já havia explicado, mas parece que muitos ou não leram, ou não prestaram atenção. Então eu vou tentar resumir alguns pontos para ficar mais claro:

O FORMATO DVD
É unânime! Todos reclamam desse formato, ou por ele ser muito grande, ou por ter muitos arquivos, ou por não saber como manipulá-lo... Muitos vídeos que eu consigo são backups de DVDs originais, por isso gosto de mantê-los nesse formato, pois ele conserva a qualidade de áudio e vídeo. Sem contar que é um formato prático, pois não necessita de conversão, uma vez que já está configurado para funcionar em qualquer aparelho de DVD.
A orientação é simples: Ao baixar um vídeo em formato de DVD, descompacte e grave a pasta em uma mídia usando a função DVD de Vídeo do seu programa de gravação preferido. Quer ver no computador? Então acesse a pasta e clique no arquivo VIDEO_TS.IFO. Geralmente, é o segundo arquivo da lista. Ele vai abrir como se você tivesse colocado um DVD original pra rodar no computador. Ele não funciona? Nesse caso, está faltando codecs para reprodução de áudio e vídeo. Faça uma visitinha à guia “Aplicativos Úteis” do blog, baixe e instale um dos pacotes recomendados.

WINDOWS, LINUX, MAC...
Para quem ainda não sabe, ou não parou para prestar atenção, eu criei uma guia chamada "Aplicativos Úteis", na qual eu disponibilizo os links dos programas necessários para juntar os vídeos, assisti-los no computador e transformá-los em DVD. Embaixo de cada postagem, eu sempre reforço essa informação. Porém, só depois que eu recebi o e-mail da leitora Beatriz é que eu parei para notar uma coisa: todos esses programas são compatíveis com Windows. Talvez por eu utilizar e pelo fato de ser a plataforma mais popular, eu realmente me esqueci que há quem utilize outros sistemas operacionais, como o MAC e o Linux. Na intensão de facilitar o acesso de todos aos vídeos, eu não lembrei dessa parcela de leitores. Eu peço mil desculpas! Em breve, eu irei atualizar isso na guia de aplicativos, mas enquanto isso eu deixo uma orientação: geralmente, os sites dos programas que eu indico têm versões disponíveis para outras plataformas. Vale a pena conferir!

ARQUIVOS CORROMPIDOS
Você faz um download, vai tentar juntar e não consegue. O que fazer primeiro? Vocês costumam escrever me pedindo pra fazer novamente o upload de determinado arquivo, mas nem sempre isso é  necessário. O que acontece é que muitas vezes o download pode se corromper no meio do caminho, e com isso o arquivo não fica com o tamanho completo, gerando essa dificuldade. Para facilitar as coisas para vocês, e também para mim, a solução é: Veja qual parte está dando problema, verifique o seu tamanho e faça o download novamente. Se o problema persistir, me procurem^^.


Outras dúvidas, deixem nos comentários, combinado? E bola pra frente!

Comentários